Ousadia de ladrões de celulares impressiona até a polícia em São Paulo

Segundo o delegado Mário Palumbo, é necessário que haja um endurecimento na legislação para combater o crescimento no número de crimes


Segundo a SSP-SP, 90% das vítimas de roubos e furtos no centro de São Paulo são pedestres

Está cada vez mais difícil andar com o celular na mão na cidade de São Paulo. A ousadia dos bandidos assusta os moradores da capital paulista. Nos quatro cantos do município, os ladrões estão sempre à espera de um ‘vacilo’ para atacar. Dados revelam que entre janeiro e fevereiro de 2021, foram roubados 14.689 celulares em São Paulo. No mesmo período este ano foram 16.291, um aumento de 10,9%. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado, 48% dos assaltos acontecem durante o dia e 90% das vítimas são pedestres.